terça-feira, 27 de fevereiro de 2007

Peixe vermelho

Tu chamas-lhe "praça", eu mercado municipal. Mas tenho a certeza que mesmo quando entras nesse sítio os odores são de tal forma distintos que os teus olhos reluzem de entusiasmo. Como é possível? Entras, uma mistura de pessoas, cores, odores, legumes e fruta, café, bolos de amendoim duros. O andar de cima. Peixeiras em pouca histeria. O peixe vermelho tem um aspecto mimoso e uns olhos meigos. Respiras fundo e abraças. Sim! Uma melancia, por favor.
Ao longe uma avó babosa que ridiculamente repete "olha o passarinho, piu-pui". Mas porque raio dizem isto às crianças para elas comerem? É o avião, é o passarinho, esta é para o primo e esta para a tia dos açores!! Uma colher transformada em avião! Enfim...
Para fugires dos outros vais para perto de ti.
Não tenho a certeza da tua identidade. Enquanto aguardo, porque o negócio da venda de frutos secos também está mau, espero por ti amanhã. Terei sempre um saquinho para matares a fome.

19 Agosto 2005

3 comentários:

Anônimo disse...

This post has been removed by a blog administrator.

Anônimo disse...

This post has been removed by a blog administrator.

Fausto Bandoneón disse...

DESAFIO O BISBÓRRIAS QUE CHAMOU AQUI "AZEITEIRA" À MINHA NAMORADA QUE ME CONTACTE. O MEU BLOG ESTÁ PERTO. E QUE TAL OLHOS NOS OLHOS MEU GRANDE PEDAÇO DE BESTA? AGUARDO ANSIOSO PELA TUA RESPOSTA MEU ASNO.

Visitantes: